Accord

Actavis Brasil


FARMACOVIGILÂNCIA

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), Farmacovigilância é a atividade relativa à detecção, avaliação, compreensão e prevenção de efeitos adversos ou outros problemas relacionados a medicamentos.

Todos os medicamentos Actavis são monitorados e passam constantemente por processos de avaliação, com o objetivo de fornecer ao paciente, médico ou outro profissional de saúde informações importantes sobre o uso seguro e apropriado de nossos medicamentos, garantindo maior segurança na utilização, prescrição ou dispensação dos medicamentos Actavis.

Além disso, a Actavis é comprometida com a absoluta transparência na exposição de riscos e benefícios de seus medicamentos e trabalha de acordo com as regulamentações da vigilância sanitária, uma vez que a segurança do paciente é o foco e um dos princípios fundamentais da Actavis.

No entanto, qualquer medicamento pode causar efeitos indesejáveis (eventos adversos), e na maioria dos casos, são efeitos que não afetam a saúde do paciente, mas é importante que tanto o paciente quanto o médico saibam destes efeitos. Esses efeitos “indesejáveis” não são, necessariamente, negativos; poderão ser benéficos. Porém, não são esperados durante ou após o uso do medicamento e precisam ser investigados.

Por que é importante relatar efeitos indesejáveis a Farmacovigilância?
Através dos relatos de efeitos indesejáveis é possível coletar dados não detectáveis durante o período de estudos clínicos. A partir dos dados obtidos pela Farmacovigilância, pode-se conhecer melhor o perfil de segurança dos medicamentos, limitar ou adicionar novas indicações, melhorar a relação benefício/risco do medicamento, realizar modificações em bula, entre outras ações.

Quem pode relatar?
Uma vez que um medicamento Actavis foi lançado no mercado, pacientes/consumidores, cuidadores ou alguém próximo ao paciente, médicos e outros profissionais de saúde podem relatar efeitos indesejáveis ocorridos durante o tratamento com um dos nossos medicamentos. Estes podem ser diretamente comunicados a Actavis ou a Vigilância Sanitária.

Como relatar?
A Actavis disponibiliza a você um canal direto com a Farmacovigilância.

Se você é profissional de saúde ou paciente, acesse o e-mail farmacovigilancia@actavis.com.br ou, se for de sua preferência, contate-nos através do SAC 0800 9708180.


Informamos que todas as informações disponibilizadas à Farmacovigilância da Actavis são confidenciais e serão utilizadas apenas para cadastro em nosso banco de dados e cumprimento das regulamentações vigentes.

Clique aqui para saber mais sobre a Política de Privacidade dos Dados da Farmacovigilância

 

 

  • Voltar
  • Imprimir
  • Enviar